Medo Fronteira entre o Sobreviver e o Viver

Editora: Livraria do Advogado

Autor: Italo Abrantes Sampaio

ISBN: 9788573488586

R$50,00
ADICIONAR AO CARRINHO

Disponibilidade: Pronta Entrega

Nº de Páginas: 141

Encadernação: Brochura

Ano: 2013

Título: Medo Fronteira entre o Sobreviver e o Viver

Editora:Livraria do Advogado

Autor: Italo Abrantes Sampaio

ISBN: 9788573488586

Disponibilidade: Pronta Entrega

Nº de Páginas: 141

Encadernação: Brochura

Ano: 2013

SINOPSE:
Ao longo deste livro, um pouquinho técnico, mas não menos romântico, o autor convida para a reflexão, subsidiado por citações passadas e recentes, porém todas atualíssimas e pertinentes. Nesse processo, conduz o leitor a uma conversa ao pé do ouvido com sua consciência e acerca do que faz com sua vida. Ao reconhecermos que a emoção de medo perpassa todos os animais, inclusive o homem, e permeia, portanto, todas as nossas relações com os outros e com o mundo, poderemos curar nossas feridas. Assim alcançaremos, a exemplo da nossa evolução morfológica, igual maturidade mental e, sem medo, passaremos a celebrar em plenitude o privilégio da vida.

Sumário
1. Introdução 23
2. O conflito interior de todos nós, causado pela emoção do medo
inato, medo condicionado e seus sentimentos 29
3. Fique tranquilo, não tenha medo 35
4. Por que herdamos a emoção de medo? 39
5. Respondendo à emoção do medo 43
5.1. Fisiológicas 43
5.2. Comportamentais 45
6. Circuito neural do medo 47
7. Desenvolvimento das teorias das emoções e seus componentes
anatômicos 51
7.1. Primeiro se emocionando, sentindo depois 56
8. Da emoção da raiva à agressão 59
9. Freud, Melanie Klein, Donald Woods Winicott e Jacques Lacan
e as raízes do condicionamento 61
9.1. A comprovação do condicionamento 66
10. Medo: fronteira entre o sobreviver e o viver 69
11. Matando por medo do nosso passado e também do nosso
presente 75
11.1. Os novos sistemas sociais e o desequilíbrio 76
11.2. O galho que parece cobra, e a criança pedindo esmola 79
12. Nosso sistema nervoso encefálico, onde tudo que se planta,
até as sementes imaginárias do medo condicionado, nasce e
dá muitos frutos: frutos de gosto mau, amargo 81
12.1. Síndrome de Procusto 86
12.2. O homem de 20 dedos, o açougueiro, entre outros 89
13. O medo pode tornar-se crônico: ansiedade e estresse 91
13.1. Fobia, manifestação intensa do medo 93
14. Esquizofrenia: mente fragmentada e os sintomas de
perder-se de si 95
15. Terapêutica do medo, a garantia do que é vivo 97
16. Transcender ao encontro da vida 101
Referências 105
Glossário 109

SOBRE O AUTOR:

ITALO ABRANTES SAMPAIO


É Graduado em Biologia pela Universidade Gama Filho (1986). Especialista em Citologia pelo Conselho Regional de Biologia (1995), Saúde Comunitária pela ULBRA (2000) e Análises Clínicas pelo Conselho Regional de Biologia (1995). Mestre em Diagnóstico Genético e Molecular pala ULBRA (2005). Tem experiência na área de Biologia Geral, com ênfase em Fisiologia. Atualmente, é professor titular da ULBRA, campus Canoas/RS. É graduando do Curso de Psicologia do IBGEN e Pesquisador do fenômeno da violência social.

Direito Penal